lirik.web.id
a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 #

lirik lagu tangente records – adeus?

Loading...

(fernando marquex)

tem dias que a gente se sente como quem partiu
ou morreu

eu derramo suor pela vida e não faço questão
e a ida sem volta foi só decisão
da partida e chegada nas linhas da mão
por noites em claro fui na contra mão
querendo ou não nunca tive escolha
ser a última carta da última folha
se é a última vez, já são cinco pras três
que am-sso papel por pensar em vocês
eu sei que as fontes do p-ssado são belas, nesse instante
mas se eu tivesse valor, o nosso p-ssado não pegaria mais poeira na instante
talvez posso estar certo por estar errado, mas ainda posso estar certo, droga
talvez eu possa estar longe mas e você?
que vive longe mesmo estando por perto

o mundo dá voltas e para no mesmo lugar
sem sair, sem pensar, tudo seu já se foi
prometi que a volta e era tarde demais
se fui longe demais por favor me perdoe
me abandono em cada estação dessa vida
e na minha bagagem só levo lembrança
agora cresci, a infância se foi
mas ainda vejo o mundo com os olhos de criança
e não cansa, ver cada pôr-do-sol como se fosse a primeira vez
não cansa, correr atrás do que o coração ainda não fez
e o que é demais, pensar no que já se fez
me desculpa amor, mas só tô indo atrás do que o coração ainda não fez

(refrão)

sem emoção não pode me ter
olhos sem luz não podem me ver
eu sei que os dias cinzas são
me desculpa amor, mas só tô indo atrás do que o coração ainda não fez
sem emoção não pode me ter
olhos sem luz não podem me ver
eu sei que os dias cinzas são
me desculpa amor, mas só tô indo atrás do que o coração ainda não fez

eu costumo muito falar sobre os dias nublados
e as noites em claro
o quanto o fato de existir é cansativo, pelo
que se acorda e pelo que se dorme
ou sobre fugir de casa sem nem ter saído
do lugar
o quanto cada minuto é precioso e o preço
de cada escolha reflete o futuro incerto
talvez eu esteja pensando demais, em como
ser inteiro e menos metade
menos sonho e mais agora, sei que a felicidade
tem pressa
e a eternidade é só um instante que

não cansa, ver cada pôr-do-sol como se fosse a primeira vez
não cansa, correr atrás do que o coração ainda não fez
e o que é demais, pensar no que já se fez
me desculpa amor, mas só tô indo atrás do que o coração ainda não fez

(refrão)

sem emoção não pode me ter
olhos sem luz não podem me ver
eu sei que os dias cinzas são
me desculpa amor, mas só tô indo atrás do que o coração ainda não fez
sem emoção não pode me ter
olhos sem luz não podem me ver
eu sei que os dias cinzas são
me desculpa amor, mas só tô indo atrás do que o coração ainda não fez